Patricia Ruth

Sobre Patricia Ruth

Patricia Ruth é uma artista multimídia. Nascida em Belém do Pará, em 1953, morou em vários estados do Brasil, como Goiânia, São Paulo e Rio de Janeiro, onde vive desde o início da
década de 1970.
Pinta, borda, escreve, desenha e performa. Desde 2018, a artista explora os meios digitais e desenvolve uma série de desenhos, em especial mandalas.
Patrícia foi uma das primeiras integrantes do Atelier Gaia, na década de 1990.Sua primeira exposição
aconteceu no Museu Nacional de Belas Artes, em 1999.
Participou de diversas exposições como Sobrevivências: Sobre Vivências, em 2017, com curadoria de Ricardo Resende; Quilombo do
Rosario, com curadoria de Roberto Conduru; exposição Constelar, curadoria de Marcelo Campos, na Instituição Pro-Saber (2017). Exposição Lugares do Delírio, curadoria de Tania Rivera, no Museu de Arte do Rio (2017) e no SESC Pompeia (2018), Utopias: A Vida para Todos os Tempos e Gloria, curadoria de Diana Kolker e Ricardo Resende (mBrac), entre outros.
Colaborou com artistas contemporâneos como Gustavo Spiridião, o coletivo Almofadinhas,Pola
Fernandez,François Ande, Val Souza,através do programa de residência artística Casa B.

Você apoiou um artista da Saúde Mental!